Caixa de Pesquisa

Carregando...
Parceiros


   





Acessibilidade em Campo Grande é quase inexistente', afirma especialista

Diretora da Sociedade Estadual em prol da Acessibilidade, Mobilidade Urbana e Qualidade de vida em MS, Rosana Puga comenta sobre os principais desafios dessa questão no Estado

Foto: André de AbreuFoto: André de Abreu
Professora e gestora pública, Rosana Puga de Moreaes Martinez é natural do Rio de Janeiro, mas há 40 anos está em Mato Grosso do Sul e é um dos principais nomes na luta em favor da acessibilidade no Estado. Hoje, atua comodiretora presidente da Sociedade Estadual em prol da Acessibilidade, Mobilidade Urbana e Qualidade de vida (SPA).

Abaixo, você confere uma entrevista onde são pontuadas as principais questões que precisam avançar em Campo Grande e outros municípios do interior, para melhorar a qualidade de vida de milhares de pessoas que, muitas vezes, parecem ser 'invisíveis' aos olhos do poder público e da sociedade.

Cigarro provoca incêndio em residência e deficiente morre




Um homem de 47 anos morreu em um incêndio ocorrido na noite de quarta-feira (18), em uma residência, no bairro de  Vista Alegre, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. De acordo com a Polícia Civil, a vítima, que tinha deficiência física, estava na cama e acendeu um cigarro. Adormeceu e o colchão começou a pegar fogo.  As chamas se alastraram e atingiram o quarto.
O caso foi registrado pelo Corpo de Bombeiros. De acordo com a corporação, a equipe foi acionada por volta das 23h30. Chegou ao loca da residência, na Rua Vicente Neves, perto do Cemitério da Saudade, e constatou que o homem já estava sem vida. Moradores da área ajudaram a apagar as chamas, mas não conseguiram resgatar o deficiente com vida.

FONTE:G1 Pe